Mentalidade Ecológica - Alguns Hábitos que Podemos Adoptar Sem Dificuldade



Todos sabemos o que as alterações climáticas representam para o meio ambiente e que são derivadas das nossas actividades e hábitos de consumo desde há décadas. Hoje, com a pesada herança ambiental, o que podemos, agora, fazer quanto a isso?

Nunca é tarde para se começar...


Reduzir e Reciclar o Desperdício

É impossível eliminar todo o lixo, mas podemos tomar medidas para o reduzir.

Recicle os plásticos, vidro, papel e metal em vez de os deitar fora no lixo comum.

Coloque as pilhas e baterias no ecoponto correspondente.

Deposite num ponto Electrão os aparelhos electrónicos em fim de vida (alguns supermercados têm este depósito).

Se tiver essa possibilidade, faça compostagem dos resíduos orgânicos como cascas de frutas e legumes, borras de café, cascas de ovos, alguns restos de comida, etc, e pode utilizar o composto como fertilizante (algumas cidades já têm caixas de compostagem disponíveis e a medida pretende ser alargada a outras cidades).

Evite fazer comida "para um regimento" que acabe depois no lixo.

Reutilize os frascos de vidro dos alimentos para guardar outros objectos.

Faça uma lista de compras com aquilo que necessita realmente para não entrar em exageros.

Utilize os dois lados das folhas de papel. Pondere um quadro branco e canetas próprias para as crianças desenharem.

Espalhe a cinza da lareira, churrasqueira ou do forno a lenha na terra. Serve como fertilizante.


Diga NÃO aos Descartáveis

Copos, pratos e talheres de plástico facilitam-nos a vida em dias de festa, mas sejamos francos... dá assim tanto trabalho lavar a louça? (E, provavelmente até será a máquina de lavar a louça a fazer o trabalho todo)...

Substitua os guardanapos de papel por guardanapos de pano.

Invista numa garrafa de vidro ou de metal para encher com água em vez de comprar garrafas descartáveis. O mesmo para as marmitas, aposte numa reutilizável.

Leve sempre consigo os sacos das compras e diga não aos sacos descartáveis.

À medida que as caixas herméticas de plástico se forem degradando, substitua-as por caixas de vidro.

Tampões, fraldas, pensos higiénicos... há inúmeras opções desde pensos e fraldas reutilizáveis (para as mais habilidosas na costura existem muitos tutoriais na net) e substitutos dos tampões há os fabulosos copos menstruais que fazem todo o trabalho que é suposto.

Palhinhas... se tiver mesmo que ser, há várias opções ecológicas no mercado em metal, bambu, papel, massa,...


Reduza as Embalagens

Se tiver essa opção, opte sempre por produtos a granel.

Substitua os champôs e condicionadores em embalagens de plástico pelos sólidos ou faça os seus próprios champôs (há várias receitas simples e ecológicas na net). Já há inúmeras opções de champôs sólidos no mercado para todos os tipos de cabelo. São ligeiramente mais caros que os dos supermercados, mas compensam bastante pelo tempo que duram.

Volte ao velhinho sabonete. Nos supermercados escolha com cuidado porque muitos são embrulhados em plástico. Opte pelas embalagens de papel.

As pastas dentífricas existem já algumas opções ecológicas em pastilhas, barra tipo sabonete ou pasta em boião (retira-se com uma espátula) e são vendidas em frascos de vidro embora muito caras (existe também para crianças). A Couto continua a ser comercializada em embalagem de metal (a tampa é de plástico).

Nos elixires bucais existem opções em pastilha ou líquido vendidos em frascos de vidro (também há para crianças).

Nos detergentes da roupa, não vá pelas publicidades enganosas de "plásticos dos oceanos bla bla bla" (fui nesta conversa e a embalagem utilizava apenas 20% destes plásticos). As nozes de saponária são uma excelente opção e fico profundamente desiludida comigo por não ter começado a utilizar mais cedo, mas mais vale tarde do que nunca. Utilizam-se 4 a 5 nozes com algumas gotas de óleo essencial para dar cheiro à roupa e são reutilizadas 4 vezes. Quando a substância (saponina cuja acção é semelhante à do sabão) se gasta são colocadas na terra (ou em vasos) e servem como fertilizante. Também podem ser colocadas na máquina de lavar louça.

Substitua o detergente da louça por sabão azul e branco.

Prefira o fio dental de seda ou de fibra de bambu que são ecológicos. O fio vulgar de nylon ou teflon não são degradáveis. Tenha atenção à embalagem e prefira as de vidro ou de cartão.

Grande parte dos desodorizantes de supermercado são na verdade anti-transpirantes e todos sabemos os malefícios associados ao seu uso. Prefira desodorizantes naturais e ecológicos. Existem várias opções desde a Pedra de Alúmen (dura 1 ano) mas cuidado com a embalagem que geralmente é em plástico apesar que já começam a aparecer opções em cartão e cortiça. Existem também opções em stick e creme à base de bicarbonato de sódio ou leite de magnésia com embalagens em cartão, metal e em frascos de vidro.

Se não puder fugir dos produtos embalados, pelo menos opte pelos que vêm em frascos de vidro ou em embalagens grandes.

Reutilize as embalagens de encomendas que recebe para reenviar para outras pessoas caso necessite. Assim evita a compra e ninguém leva a mal (o importante é o conteúdo).


Repare, Venda ou Doe

Venda em sites de classificados ou loja de artigos em segunda mão tudo aquilo que já não precisa. Mesmo que lhe ofereçam um valor abaixo ou demore tempo, é sempre preferível do que ir parar ao lixo.

Doe a instituições roupa, têxtil de casa, brinquedos, jogos e tudo o que já não utiliza mas que está em bom estado. Não coloque no lixo.

Pode doar livros a bibliotecas.

Repare o que for possível reparar. Se não conseguir, não deite fora, peça orçamento, venda a sucatas ou doe.

Utilize os seus dotes de costura (ou pelo menos tente) para coser um botão que saltou, uma presilha que rasgou, etc.


Poupar Energia

Troque as lâmpadas por LED. São muito mais eficientes e duram mais tempo.

Apague as luzes sempre que não sejam necessárias.

Não deixe aparelhos electrónicos em stand-by. Desligue ou tire da tomada sempre que não estejam em uso (por exemplo carregadores de telemóveis).

Utilize as máquinas da roupa e louça só quando estiverem cheias.

Desligue o computador depois do dia de trabalho.

Utilize pilhas e baterias recarregáveis.

Se tiver que substituir algum electrodoméstico, substitua-o por um eficiente.

Tape as panelas enquanto cozinha.

Utilize a máquina de secar roupa só quando for realmente necessário.

Em dias de calor feche as persianas durante o dia e abra as janelas à noite.


Água é Vida

Reduza o tempo dos banhos e opte por banhos de chuveiro.

Instale uma válvula reguladora no autoclismo ou coloque uma garrafa cheia de água lá dentro para reduzir as descargas.

Instale uma válvula de regulação da pressão de água no contador para reduzir e estabilizar a pressão da água em casa.

Enquanto escova os dentes feche a torneira.

Esperar que a água aqueça demora tempo e gasta muita água. Prefira água fria para lavar roupa e louça à mão, para lavar as mãos e o rosto.

No banho, enquanto espera que a água aqueça, utilize a água que sai fria para encher o balde e utilize depois para lavar o chão da casa.

Reutilize a água do depósito da máquina de secar roupa para encher o ferro de engomar ou para lavar o chão da casa.

Não lave a louça com água corrente. Segundo um estudo poupamos cerca de 170l por cada lavagem.

Não deite fora óleo alimentar pelo ralo. Cada litro de óleo pode poluir até um milhão de litros de água. Descubra na sua zona onde existe um ponto de recolha.

Regue o quintal de manhã cedo ou ao final do dia.


Mais Saúde

Sempre que lhe for possível evite andar de carro e faça antes uma caminhada que é mais saudável (e económico).

Se tiver que se deslocar a algum sítio perto vá de bicicleta.

Opte por alimentos orgânicos e frescos. Evite os congelados.

Prefira as escadas ao elevador.

Aposte no comércio local.

Equilibre mais as refeições e reduza o consumo de carne e peixe. Experimente aderir ao movimento "Segunda-Feira sem Carne" e neste dia faça refeições vegetarianas.

Experimente preparar alguns alimentos em casa em vez de os comprar, por exemplo iogurtes, polpas de fruta, molhos, compotas,... (alguns pode congelar e utilizar mais tarde).

Deixe de fumar e se lhe é muito difícil, pelo menos não atire as beatas para o chão. Adquira um cinzeiro portátil.

Crie uma horta em casa. Pode plantar ervas aromáticas em vasos.



Artigos relacionados


Construir um altar budista

Construir um altar budista

Um altar é um espaço sagrado dedicado a imagens que representam fé, devoção e respeito. É um lugar puro, sagrado, de luz, de amor e de gratidão. No budismo, o altar é também um espaço de reflexão, de prática espiritual (...) Ler mais

6 Tipos de Limpeza Energética de um Espaço

6 Tipos de Limpeza Energética de um Espaço

O nosso espaço é o nosso templo, o lugar sagrado onde nos recolhemos para reestabelecer energias, mas nem sempre se encontra repleto de energias de alta vibração. Todos temos emoções para lidar e controlar, situações pontuais difíceis, (...) Ler mais

Entender a Ansiedade {com EXERCÍCIO}

Entender a Ansiedade {com EXERCÍCIO}

A ansiedade é um medo sem objecto. A pessoa que dela sofre vive na expectativa dolorosa de um perigo impreciso, imprevisível. A ansiedade tem por efeito, na pessoa que dela sofre, bloquear a capacidade de de viver no momento (...) Ler mais