Japamala de Wenge e Sândalo com Triquetra

  • Referência: JPP035
  • Disponibilidade: Em stock

/

  • 5,00€


Japamala pulseira de wenge e sândalo branco e vermelho com pendente (triquetra) e tassel.

O uso regular traz inúmeros benefícios à saúde física, emocional e espiritual.


Estilo: 18 contas

Materiais: wenge natural, sândalo natural, acessórios metálicos (cor prateado)

Cordão: algodão elástico

Tassel: algodão, branco

Pendente: triquetra

Diâmetro das contas: 6mm e 8mm

Feito à mão


Wenge

Relaxamento e Calma

Possui uma energia muito subtil. Proporciona calma e relaxamento. Estimula o pensamento lento. É perfeita para a prática da meditação, especialmente para quem tem dificuldade em serenar a mente. Incentiva a aprendizagem. Acalma o temperamento.

Propriedades curativas: ajuda a acalmar a inquietação e a relaxar.


Sândalo

Relaxamento e Optimismo

Aumenta o poder de concentração na meditação e do que se deseja. Ajuda na conexão com o Divino. Protege.  Ajuda a desenvolver a clarividência. Serena a mente e abre o coração para o amor. Estimula a sensualidade. Invoca a tranquilidade. Ajuda a expandir a consciência. Desperta pensamentos divinos. Promove o profundo relaxamento aumentando a energia espiritual. Estimula o chakra raiz acreditando-se que aumenta a auto-confiança e o auto-conhecimento. Promove o entusiasmo e a auto-estima. Aumenta a positividade e optimismo afastando dúvidas, sentimentos de raiva, irritabilidade e melancolia.

Propriedades curativas: Fortalece o sistema imunitário, ajuda em várias doenças do sistema digestivo, inibe a depressão, ajuda a dormir melhor, alivia o stress.


Pendente:

Triquetra

Significa literalmente "três (tri) cantos (quetrus)" e é um dos símbolos celtas mais antigos que remonta a 500 anos a.C. Representava, na época, as 3 faces da Grande Mãe (Virgem, Mãe, Anciã) e era considerado um símbolo sagrado que continha o poder da protecção e a interconexão entre os corpos físico, mental e espiritual. 

Ao longo dos séculos foi sendo adoptado por outras religiões e tradições tendo recebido outros significados. Tornou-se o símbolo da Santíssima Trindade entre os cristãos, a representação dos 3 elementos fundamentais (ar, água e terra), o ciclo infinito da vida (vida, morte, renascimento), o tempo (passado, presente, futuro), as 3 promessas de um marido a uma esposa (amor, honra, protecção), a família (pai, mãe, filho),...

Hoje é também um símbolo utilizado na magia e no ocultismo em geral.


Tassel

Simboliza as raízes da flor de lótus lembrando que sem lama não há lótus. Representa a ligação com o Divino, a iluminação, a pureza, a consciência pura e a libertação.



O que é um japamala?

Um japamala é um colar ou pulseira de contas que serve como instrumento de meditação e recitação de mantras.

É uma palavra do idioma sânscrito em que Japa significa repetição e Mala colar ou cordão de contas.

Provém da Índia e a sua utilização teve origem no Budismo e no Hinduísmo, tendo ficado conhecido globalmente como terço budista ou simplesmente terço espiritual.

Com uma poderosa simbologia, o japamala é constituído por 108 contas, ou divisões deste número, que representam os 108 nomes sagrados da Força Criadora, mas também os 108 principais Nadis (canais de energia).

Pode ser encontrado em 4 estilos: 108, tibetano, zen e mantra cujas diferenças se encontram nas divisões e disposição das contas.

O início/fim do Japamala é marcado por uma conta distinta, de nome Meru ou Guru, de onde pode sair um pendão (Tassel), um símbolo sagrado, uma figura divina ou uma combinação de vários destes elementos.

Tradicionalmente são constituídos por materiais naturais como madeiras, pedras e sementes que contêm inúmeras propriedades terapêuticas que oferecem diversos benefícios à saúde física, emocional, mental e espiritual, o que faz com que seja um objecto muito apreciado e utilizado por todo o mundo e por qualquer pessoa.

Embalagem
Contém instruções de uso do Japamala
Contém saco de protecção (quando o Japamala não está em uso)

Faça login ou registe-se para poder comentar e avaliar.