Difusor de Óleos Essenciais - Hamsá

  • Referência: DA011
  • Disponibilidade: Em stock

/

  • 10,00€


O colar com difusor pessoal de aromaterapia é uma excelente forma de estar sempre em contacto com os benefícios dos óleos essenciais.


Pendente: Hamsá em metal (cor prateado)

Diâmetro: 3cm

Comprimento do colar: 70cm + 7cm (extensor)

Contém: 6 discos de reposição (azul, rosa, violeta, prateado, dourado, verde)

Óleo essencial não incluído


MODO DE USO:

Abra o difusor e coloque no disco 2-4 gotas do seu óleo essencial preferido e feche novamente.

Recomenda-se o uso de óleos essenciais 100% naturais e puros, preferencialmente, biológicos.

O disco pode ser reutilizado vários vezes com o mesmo óleo essencial. Para utilizar outros óleos, lave o disco com detergente neutro e deixe secar ao ar.


Hamsá

Antigo símbolo que traz felicidade, sorte, saúde e prosperidade a quem o utiliza.

O nome Hamsá significa literalmente 5 dedos e surge em 2 formas, igual a uma mão ou com os dois polegares simétricos. A primeira aparição deste símbolo remonta à antiga Mesopotâmia, de onde partiu para o Egipto para representar Osiris e Isis e, posteriormente, espalhou-se por diversas religiões por todo o mundo. No Budismo e Hinduísmo, simboliza a interligação dos chakras, o fluxo de energia no corpo, os cinco sentidos e os mudras que os afectam.

Muito apreciada no Médio Oriente, a hamsá é utilizada como um amuleto. Embora o Alcorão vete o uso de amuletos, a hamsá é facilmente encontrada por seguidores do Islamismo. Para os muçulmanos, a hamsá é também conhecida como a Mão de Fátima, a filha preferida de Maomé, e representa os 5 pilares do Islão.

Também popular entre os judeus, a hamsá é conhecida como a Mão de Miriam, irmã de Moisés e Araão e simboliza o Torá que é composto por 5 livros.

É frequente encontrar-se a hamsá com um olho no centro (Olho do Mal, Olho Gordo ou até mesmo símbolos como o Olho Turco). Este poderoso amuleto funciona como um escudo de protecção contra energias negativas e afasta o mau-olhado e a inveja. O Olho Turco (Nazar ou Olho Grego), geralmente de cor azul e de forma arredondada, surgiu na Turquia para protecção contra o mau-olhado. Os turcos acreditam que todas as energias são dirigidas ao amuleto e não atingirão a pessoa que o está a usar. De acordo com a lenda, uma mulher deu à luz uma criança saudável e que os vizinhos depressa se apressaram a visitar o recém-nascido para o elogiar. Semanas mais tarde a criança adoeceu sem qualquer explicação. Segundo os turcos, isso é a força do mau-olhado. Por isso, as mães turcas colocam um pequeno amuleto nos seus bebés para os proteger. Se partir ou rachar, significa que cumpriu a sua função de protecção e deverá ser substituído por um novo.



O que é Aromaterapia?

Aromaterapia é uma prática terapêutica que utiliza as propriedades curativas dos óleos essenciais e outro tipo de fragrâncias com o objectivo de melhorar o bem-estar físico e restabelecer o equilíbrio quer físico quer mental.

Tem vindo a ser utilizada ao longo dos séculos e por diferentes culturas. Os romanos, indianos, gregos e egípcios usavam a aromaterapia quer para fins cosméticos quer para fins espirituais. Os chineses, foram talvez dos primeiros povos a fazer uso desta técnica através de incensos e de plantas aromáticas, mas foi só no séc. XX que a "cura pelo cheiro" se desenvolveu como um sistema terapêutico recebendo o nome de aromaterapia.

Os óleos essenciais são a "essência" da planta e são extraídos através da destilação das substâncias complexas produzidas pelas folhas, sementes, flores, raízes, troncos e frutos da planta.

Possuem diferentes propriedades que vão de estimulantes, a calmantes, energizantes e relaxantes. Os benefícios são imensos, desde a prevenção e o combate de sintomas de várias doenças, ao alívio do stress e da ansiedade, à estimulação do sistema nervoso e imunológico.

Faça login ou registe-se para poder comentar e avaliar.