Difusor de Óleos Essenciais - Flor da Vida/Árvore da Vida

  • Referência: DA006
  • Disponibilidade: Em stock

/

  • 10,00€


O colar com difusor pessoal de aromaterapia é uma excelente forma de estar sempre em contacto com os benefícios dos óleos essenciais.


Pendente: flor da vida, árvore da vida (no verso), em metal (cor prateado)

Diâmetro: 2.5cm

Comprimento do colar: 70cm

Contém: 6 discos de reposição (rosa, bege, verde escuro, preto, castanho e roxo)

Óleo essencial não incluído


MODO DE USO:

Abra o difusor e coloque no disco 2-4 gotas do seu óleo essencial preferido e feche novamente.

Recomenda-se o uso de óleos essenciais 100% naturais e puros, preferencialmente, biológicos.

O disco pode ser reutilizado vários vezes com o mesmo óleo essencial. Para utilizar outros óleos, lave o disco com detergente neutro e deixe secar ao ar.


Flor da Vida

Símbolo de energia e de criação da vida, a flor da vida pertence à geometria sagrada que defende a ideia de que tudo está interrelacionado e faz parte de um plano divino e geométrico. Todas as estruturas conhecidas, símbolos e até o nosso próprio ADN estão aqui contidos na Flor da Vida.

Constituída por 19 círculos no total, nem mais nem menos, sobrepostos e interligados que iniciam num círculo central. Este círculo central representa a fonte. Ao seu redor encontram-se outros 6 círculos que representam o processo de divisão celular. Assim, a Flor da Vida, representa o ciclo da criação, mostra que todas as formas de vida e consciência surgem de uma fonte.

Apesar do seu nome remeter para uma flor, na verdade, representa o ciclo de uma árvore de fruto que cresce em botões florais e que, eventualmente, se transformam em frutos. O fruto dá a semente originando novas árvores. Um ciclo que transforma a flor da árvore em fruto e novamente em árvore e que revela o milagre da vida.

A estrutura circular deste símbolo cria uma espécie de ilusão de óptica, como se se movimentasse constantemente. Observando de perto, diferentes formas e padrões tornam-se visíveis. Conectando determinadas intersecções surgem outros símbolos muito conhecidos na geometria sagrada, como o Cubo de Metatron, a Árvore da Vida ou a Semente da Vida.

Muitas culturas utilizaram o símbolo da Flor da Vida com pleno conhecimento, directo ou indirecto, da sua simbologia e poder e, ainda hoje, pode ser encontrado, gravado ou pintado, em templos, cemitérios, igrejas, manuscritos, objectos de arte e edifícios seculares por todo o mundo. No Egipto, a Flor da Vida está gravada nalgumas partes das Pirâmides e no interior de alguns templos. Também pode ser encontrada na Cidade Proibida (China) e em diversos templos, mosteiros e igrejas em Itália, Dinamarca, Áustria, Alemanha, Grécia e Índia.

Utilizado em bijuteria, diz-se que estimula a ordem, a harmonia e a vitalidade. Traz simetria à vida do utilizador.


Árvore da Vida

A Árvore da Vida é um símbolo ancestral muito conhecido hoje em dia e que atravessou várias culturas. Adquiriu diversos nomes e representações atribuídos pelas diferentes religiões que o adoptaram, mas o seu significado como a fonte da vida é comum a todas.

Representa o ciclo da vida e a interconexão de tudo no Universo.

Compreende todos os aspectos de uma árvore em si, com raízes, tronco, ramos, folhas e, por vezes, frutos, representando a árvore de uma forma simbólica.  Mas, o seu significado é muito mais profundo. Observando cada elemento e processo da árvore, pode-se extrair o significado espiritual de cada um deles relacionado com a vida dos seres humanos cuja verdadeira origem é comum a todos (raízes), possuem um espírito conectado com o corpo físico (tronco), seguem diferentes direcções (ramos) e têm as suas próprias singularidades (folhas).

Um símbolo de unidade e conexão com uma mensagem bem clara, de que todos estamos interligados através de uma energia cósmica e que devemos viver em harmonia com todos os seres vivos.

Utilizado em bijuteria, diz-se que transmite calma e sabedoria.



O que é Aromaterapia?

Aromaterapia é uma prática terapêutica que utiliza as propriedades curativas dos óleos essenciais e outro tipo de fragrâncias com o objectivo de melhorar o bem-estar físico e restabelecer o equilíbrio quer físico quer mental.

Tem vindo a ser utilizada ao longo dos séculos e por diferentes culturas. Os romanos, indianos, gregos e egípcios usavam a aromaterapia quer para fins cosméticos quer para fins espirituais. Os chineses, foram talvez dos primeiros povos a fazer uso desta técnica através de incensos e de plantas aromáticas, mas foi só no séc. XX que a "cura pelo cheiro" se desenvolveu como um sistema terapêutico recebendo o nome de aromaterapia.

Os óleos essenciais são a "essência" da planta e são extraídos através da destilação das substâncias complexas produzidas pelas folhas, sementes, flores, raízes, troncos e frutos da planta.

Possuem diferentes propriedades que vão de estimulantes, a calmantes, energizantes e relaxantes. Os benefícios são imensos, desde a prevenção e o combate de sintomas de várias doenças, ao alívio do stress e da ansiedade, à estimulação do sistema nervoso e imunológico.

Faça login ou registe-se para poder comentar e avaliar.